https://religiousopinions.com
Slider Image

Conheça o Arcanjo Uriel, Anjo da Sabedoria

O Arcanjo Uriel é conhecido como o anjo da sabedoria. Ele brilha a luz da verdade de Deus na escuridão da confusão. "Sri" significa "Deus é meu" ou "fogo de Deus". Outras grafias de seu nome incluem Usiel, Uzziel, Oriel, Auriel, Suriel, Urian e Uryan.

Os fiéis recorrem a Uriel em busca de ajuda para buscar a vontade de Deus antes de tomar decisões, aprender novas informações, resolver problemas e resolver conflitos. Eles também recorrem a ele para ajudar a liberar emoções destrutivas, como ansiedade e raiva, que podem impedir que os crentes discernam a sabedoria ou reconheçam situações perigosas.

Símbolos de Uriel

Na arte, Uriel é frequentemente representado carregando um livro ou um pergaminho, ambos representando sabedoria. Outro símbolo conectado com Uriel é uma mão aberta segurando uma chama ou o sol, que representa a verdade de Deus. Como seus companheiros arcanjos, Uriel tem uma cor de energia anangélica, neste caso, vermelho, o que representa ele e o trabalho que ele executa. Algumas fontes também atribuem a cor amarela ou dourada a Uriel.

O papel de Uriel em textos religiosos

Uriel não é mencionado em textos religiosos canônicos das principais religiões do mundo, mas ele é mencionado significativamente nos principais textos apócrifos religiosos. Textos apócrifos são trabalhos religiosos que foram incluídos em algumas versões antigas da Bíblia, mas hoje são considerados secundários em importância para as escrituras do Antigo e do Novo Testamento.

O Livro de Enoque (parte dos Apócrifos Judeus e Cristãos) descreve Uriel como um dos sete arcanjos que presidem o mundo. Uriel adverte o profeta Noé sobre a próxima enchente no capítulo 10 de Enoque. Nos capítulos 19 e 21 de Enoque, Uriel revela que os anjos caídos que se rebelaram contra Deus serão julgados e mostrará a Enoque uma visão de onde eles estão encurralados até o infinito. o número dos dias de seus crimes seja completado. ”(Enoque 21: 3)

No texto apócrifo judaico e cristão 2 Esdras, Deus envia Uriel para responder a uma série de perguntas que o profeta Ezra pergunta a Deus. Ao responder as perguntas de Ezra, Uriel diz a ele que Deus permitiu que ele descrevesse sinais sobre o bem e o mal no trabalho no mundo, mas ainda assim será difícil para Ezra entender de sua limitada perspectiva humana.

Em 2 Esdras 4: 10-11, Uriel pergunta a Ezra: "Você não pode entender as coisas com as quais você cresceu; como então a sua mente pode compreender o caminho do Altíssimo? E como alguém que já está exaurido pelo mundo corrupto entende a incorrupção? " Quando Ezra faz perguntas sobre sua vida pessoal, como por quanto tempo ele viverá, Uriel responde: Quanto aos sinais sobre os quais você me pergunta, eu posso lhe dizer em parte; mas não fui enviado para falar-lhe a respeito de sua vida, pois não sei. ”(2 Esdras 4:52)

Em vários evangelhos apócrifos cristãos, Uriel resgata João Batista de ter sido assassinado pela ordem do rei Herodes de massacrar jovens na época do nascimento de Jesus Cristo. Uriel carrega John e sua mãe Elizabeth para se juntar a Jesus e seus pais no Egito. O Apocalipse de Pedro descreve Uriel como o anjo do arrependimento.

Na tradição judaica, Uriel é aquele que verifica as portas das casas em todo o Egito para o sangue de cordeiro (representando fidelidade a Deus) durante a Páscoa, quando uma praga mortal atinge os primogênitos como um julgamento pelo pecado, mas poupa os filhos. de famílias fiéis.

Outras funções religiosas

Alguns cristãos (como aqueles que adoram nas igrejas anglicanas e ortodoxas orientais) consideram Uriel um santo. Ele serve como o santo padroeiro das artes e ciências por sua capacidade de inspirar e despertar o intelecto.

Em algumas tradições católicas, os arcanjos também têm patrocínio sobre os sete sacramentos da igreja. Para esses católicos, Uriel é o patrono da confirmação, guiando os fiéis enquanto refletem sobre a natureza santa do sacramento.

O papel de Uriel na cultura popular

Como muitas outras figuras no judaísmo e no cristianismo, os arcanjos têm sido uma fonte de inspiração na cultura popular. John Milton incluiu-o em "Paradise Lost", onde ele serve como os olhos de Deus, enquanto Ralph Waldo Emerson escreveu um poema sobre o arcanjo que o descreve como um jovem deus no Paraíso. Mais recentemente, Uriel fez aparições em livros de Dean Koontz e Clive Barker, na série de TV "Supernatural", na série de videogames "Darksiders", além de mangás e RPGs.

Biografia de Haile Selassie: Imperador etíope e Messias Rastafari

Biografia de Haile Selassie: Imperador etíope e Messias Rastafari

Faça seu próprio pentagrama de altar

Faça seu próprio pentagrama de altar

Artesanato para o Sabá Beltane

Artesanato para o Sabá Beltane