https://religiousopinions.com
Slider Image

Interpretação dos Sonhos na Bíblia

Deus usou sonhos na Bíblia muitas vezes para comunicar sua vontade, revelar seus planos e anunciar eventos futuros. No entanto, a interpretação bíblica dos sonhos exigiu testes cuidadosos para provar que veio de Deus (Deuteronômio 13). Tanto Jeremias quanto Zacarias alertaram contra a confiança nos sonhos para expressar a revelação de Deus (Jeremias 23:28).

Verso-chave da Bíblia

E eles [o copeiro e o padeiro de Faraó] responderam: “Nós dois tivemos sonhos na noite passada, mas ninguém pode nos dizer o que eles significam.”

“Interpretar sonhos é o negócio de Deus”, Joseph respondeu. Vá em frente e conte-me seus sonhos. Gênesis 40: 8 (NLT)

Palavras bíblicas para sonhos

Na Bíblia hebraica, ou no Antigo Testamento, a palavra usada para o sonho é l m, referindo-se a um sonho comum ou àquele que é dado por Deus. No Novo Testamento, duas palavras gregas diferentes para o sonho aparecem. O Evangelho de Mateus contém a palavra nar, referindo-se especificamente aos sonhos de mensagem ou oráculo (Mateus 1:20; 2:12, 13, 19, 22; 27:19). No entanto, Atos 2:17 e Judas 8 usam um termo mais geral para o sonho ( enypnion ) e o sonhar ( enypniazomai ), que se referem tanto aos sonhos oraculares quanto aos não-oráculos.

Uma “visão noturna” ou “visão na noite” é outra frase usada na Bíblia para denotar uma mensagem ou um sonho oracular. Essa expressão é encontrada tanto no Antigo como no Novo Testamento (Isaías 29: 7; Daniel 2:19; Atos 16: 9; 18: 9).

Mensagem Sonhos

Os sonhos bíblicos dividem-se em três categorias básicas: mensagens de infortúnio iminente ou boa fortuna, advertências sobre os falsos profetas e sonhos comuns e não-oraculares.

As duas primeiras categorias incluem sonhos de mensagem. Outro nome para um sonho de mensagem é um oráculo. Os sonhos de mensagem normalmente não requerem interpretação, e freqüentemente envolvem instruções diretas que são entregues por uma divindade ou por um assistente divino.

Sonhos da Mensagem de Joseph

Antes do nascimento de Jesus Cristo, José teve três sonhos de mensagem sobre os eventos vindouros (Mateus 1: 20-25; 2:13, 19-20). Em cada um dos três sonhos, um anjo do Senhor apareceu a Joseph com instruções diretas, que Joseph entendeu e seguiu obedientemente.

Em Mateus 2:12, os sábios foram avisados ​​em uma mensagem sonhada para não retornar a Herodes. E em Atos 16: 9, o apóstolo Paulo experimentou uma visão noturna de um homem pedindo-lhe que fosse à Macedônia. Essa visão da noite provavelmente era um sonho de mensagem. Através dele, Deus instruiu Paulo a pregar o evangelho na Macedônia.

Sonhos Simbólicos

Os sonhos simbólicos requerem uma interpretação porque contêm símbolos e outros elementos não literais que não são claramente compreendidos.

Alguns sonhos simbólicos na Bíblia eram simples de interpretar. Quando o filho de Jacó, José, sonhou com feixes de grãos e corpos celestes curvando-se diante dele, seus irmãos rapidamente entenderam que esses sonhos predisseram sua futura subserviência a José (Gênesis 37: 1-11).

Sonho de Jacó

Jacó estava fugindo para salvar a vida de seu irmão gêmeo, Esaú, quando ele se deitou para a noite perto de Luz. Naquela noite, em um sonho, ele teve uma visão de uma escada, ou escada, entre o céu e a terra. Os anjos de Deus estavam subindo e descendo na escada. Jacó viu Deus em pé acima da escada. Deus repetiu a promessa de apoio que ele fez a Abraão e Isaque. Ele disse a Jacó que seus descendentes seriam muitos, abençoando todas as famílias da terra. Deus então disse: “Eu estou com você e a manterei aonde quer que você vá, e te trarei de volta a esta terra. Pois não te deixarei até que tenha feito o que te prometi "(Gênesis 28:15).

A interpretação completa do sonho da Escada de Jacó não seria clara se não fosse por uma declaração de Jesus Cristo em João 1:51 de que ele é essa escada. Deus tomou a iniciativa de alcançar os humanos através de seu Filho, Jesus Cristo, a "escada" perfeita. Jesus foi "Deus conosco" veio à terra para salvar a humanidade, nos reconectando em relação com Deus.

Sonhos do faraó

Os sonhos do Faraó eram complicados e requeriam interpretação hábil. Em Gênesis 41: 1 57, o faraó sonhava com sete vacas gordas e saudáveis ​​e sete vacas magras e doentias. Ele também sonhou com sete espigas de milho e sete orelhas enrugadas. Nos dois sonhos, o menor consumia o maior. Nenhum dos sábios do Egito e adivinhos que costumavam interpretar sonhos conseguia entender o que o sonho de Faraó significava.

O mordomo do faraó lembrou que José havia interpretado seu sonho na prisão. Assim, José foi libertado da prisão e Deus revelou-lhe o significado do sonho de Faraó. O sonho simbólico previu sete bons anos de prosperidade no Egito, seguidos de sete anos de fome.

Sonhos do Rei Nabucodonosor

Os sonhos do rei Nabucodonosor descritos em Daniel 2 e 4 são excelentes exemplos de sonhos simbólicos. Deus deu a Daniel a capacidade de interpretar os sonhos de Nabucodonosor. Um desses sonhos, Daniel explicou, previu que Nabucodonosor ficaria louco por sete anos, viveria nos campos como um animal, com cabelos e unhas compridos, e comeria grama. Um ano depois, como Nabucodonosor estava se gabando, Sonho se tornou realidade.

O próprio Daniel tinha vários sonhos simbólicos relacionados aos futuros reinos do mundo, a nação de Israel e o fim dos tempos.

Sonho de Esposa de Pilatos

A esposa de Pilatos teve um sonho sobre Jesus na noite anterior ao seu marido entregá-lo para ser crucificado. Ela tentou influenciar Pilatos a libertar Jesus enviando-lhe uma mensagem durante o julgamento, contando a Pilatos seu sonho. Mas Pilatos ignorou seu aviso.

Deus ainda fala conosco através dos sonhos?

Hoje Deus comunica primariamente através da Bíblia, sua revelação escrita ao seu povo. Mas isso não quer dizer que ele não possa ou não fale conosco através dos sonhos. Um número surpreendente de ex-muçulmanos que se converteram ao cristianismo dizem que passaram a acreditar em Jesus Cristo através da experiência de um sonho.

Assim como a interpretação dos sonhos nos tempos antigos exigia testes cuidadosos para provar que o sonho veio de Deus, o mesmo vale hoje. Os crentes podem, em oração, pedir a Deus sabedoria e orientação sobre a interpretação dos sonhos (Tiago 1: 5). Se Deus nos fala através de um sonho, ele sempre fará seu significado claro, assim como ele fez para as pessoas na Bíblia.

Fontes

  • Dreams. Holman Ilustrado Bible Dictionary (p. 442).
  • Interpretação dos Sonhos Antigos. O Dicionário da Bíblia Lexham.
Artesanato para o Sabbat Imbolc

Artesanato para o Sabbat Imbolc

Deuses dos gregos antigos

Deuses dos gregos antigos

João Crisóstomo, o Pregador de Língua Dourada

João Crisóstomo, o Pregador de Língua Dourada