https://religiousopinions.com
Slider Image

Regras comuns namoro pais definido para adolescentes cristãos

Muitos pais estabelecem regras para seus adolescentes cristãos sobre namoro. Embora a definição de regras seja uma boa ideia, é importante que os pais pensem nas regras que definem. Os pais precisam saber por que estão estabelecendo as regras e também precisam discutir abertamente as regras com seus filhos. Aqui estão algumas das regras de namoro mais comuns e como elas podem ser usadas de forma mais eficaz para orientar os adolescentes no mundo do namoro:

1) Não namoro até que você esteja ____ anos de idade

Prós: Você pode definir uma idade na qual a maioria dos adolescentes tenha um bom nível de maturidade e seja capaz de pensar de forma independente.
Contras: Nem todos os adolescentes amadurecem na mesma proporção, por isso, mesmo que o adolescente chegue a essa idade, ele ou ela ainda pode não ser capaz de lidar com isso.
A solução: tente usar essa idade como uma idade de "revisão". Diga ao seu filho adolescente que você vai falar sobre namoro quando ele ou ela tiver ____ anos de idade. Então você pode sentar e conversar para ver se o adolescente está pronto.

2) Você deve namorar um cristão companheiro

Prós: A Bíblia diz que os cristãos devem estar ligados a outros crentes. Se um adolescente está namorando outro cristão, há uma maior probabilidade de que ele permaneça abstinente e apoie um ao outro.
Contras : Algumas pessoas dizem que são cristãs, mas não são necessariamente divinas em suas ações. Definir essa regra sozinha pode gerar atividades mentirosas e inapropriadas.
A Solução: Você pode definir a regra, mas também deixá-la aberta para sua aprovação. Certifique-se de conhecer o parceiro de namoro. Não grite sobre sua fé, mas conheça se ele acha que esse adolescente compartilha os valores de seu filho.

3) Datas devem estar em locais públicos

Prós: Namoro que ocorre em locais públicos impede a tentação de obter o melhor dos adolescentes. Eles estão sempre sendo vigiados por outras pessoas.
Contras: Apenas dizendo que o namoro tem que ocorrer em locais públicos não garante necessariamente que as pessoas em torno de seu adolescente cristão irão responsabilizá-lo. Além disso, os adolescentes às vezes não ficam em um só lugar por uma data inteira.
A solução: Existem várias soluções para esse problema. Você pode tentar conduzir o adolescente de e para o lugar onde a data vai acontecer. Você também pode exigir que o adolescente vá em datas em que outros cristãos estarão presentes.

4) Datas duplas são obrigatórias

Prós: Ir a um encontro com outro casal ajuda a responsabilizar seu filho adolescente e a resistir à tentação. Adolescentes cristãos enfrentam muitas das mesmas tentações que outros jovens, então ter amigos lá pode ser útil.
Contras: O outro casal não pode compartilhar os mesmos valores que o adolescente cristão. Eles podem incentivar atividades inapropriadas ou sair mais cedo.
A solução: Incentive seu filho adolescente a ligar para você se o outro casal sair ou fizer algo que comprometa a situação do adolescente. Além disso, tente conhecer os outros casais para que você possa se sentir mais à vontade com o fato de o adolescente estar se associando a ele.

5) Sem sexo até que você seja casado

Prós: deixar seu filho adolescente saber que você espera que a pureza seja importante para dizer ao seu filho adolescente. Sua declaração direta será na parte de trás de sua cabeça, mesmo que pareça zombar de sua declaração.
Contras: Exigindo que seu filho espere até o casamento para fazer sexo sem explicar por que pode sair pela culatra. Usando uma abordagem de punição (o infame, "Se você tem sexo, você irá para o inferno" abordagem) só pode fazer o seu filho mais curioso.
A Solução: Passe algum tempo discutindo sexo com seu filho adolescente para que ele ou ela entenda por que Deus quer que os adolescentes esperem até o casamento. Ter uma compreensão clara de por que eles devem esperar pode ajudar os adolescentes a tomar melhores decisões.

6) Evite situações que aumentem a tentação

Prós: Dizer ao seu filho para ter cuidado ao segurar as mãos, beijar ou tocar pode ajudá-lo a evitar situações que podem acabar indo longe demais. Também ajuda os adolescentes a identificarem cedo quando uma situação está se tornando perigosa.
Contras: Basta fazer a demanda de cobertor pode tornar mais fácil para os adolescentes se rebelarem ou irem longe demais sem entender. Os adolescentes também podem não entender o que fazer quando acabam em uma situação tentadora.
A Solução: Discuta a tentação abertamente com seu filho adolescente. Você não precisa divulgar todas as suas tentações, mas explique como a tentação é normal e todo mundo a enfrenta. Além disso, veja maneiras de evitar a tentação, mas também maneiras de lidar com elas. Certifique-se de incluir o que "longe demais" significa e como estar seguro de coisas como estupro quando em situações tentadoras.

Embora todas essas regras sejam apropriadas, será mais fácil para o adolescente seguir suas regras se entender de onde vêm as regras. Não cite apenas as Escrituras - explique como isso se aplica. Se você se sentir desconfortável fazendo isso por conta própria, traga outro pai, jovem trabalhador ou pastor de jovens para ajudar.

Top 6 livros introdutórios sobre o Islã

Top 6 livros introdutórios sobre o Islã

Biografia de Santa Lúcia, portadora de luz

Biografia de Santa Lúcia, portadora de luz

Auto tratamento de reflexologia de 10 passos

Auto tratamento de reflexologia de 10 passos